Pra que Mentir?

Vadico, Noel Rosa e o Samba

Gonçalo Junior

Formato: 14x21 cm, 404 páginas
Preço: R$ 59,90 (frete para todo o Brasil: R$ 8,00)

O paulistano do Brás Oswaldo Gogliano, o Vadico (1910-1962), por acaso foi parar no Rio de Janeiro, em 1930, como arranjador de uma companhia de teatro de revista e nunca mais voltou. Transformou-se no principal parceiro de Noel Rosa, autor das melodias de clássicos como Feitio de OraçãoFeitiço da VilaPra que Mentir?Conversa de BotequimCem mil-réis e Provei, entre outras. Noel morreu em 1937, aos 26 anos, e Vadico seguiu sua vida. Foi para os Estados, tocou com Carmen Miranda, fez filmes, viajou pelo mundo e voltou ao Brasil para se tornar um respeitado maestro. Mas pouco se sabe da sua vida. Até o lançamento desta biografia, de Gonçalo Junior.

 
Há uma tendência em alguns círculos a insinuar que ‘sem Vadico, Noel não seria o que foi’. Isso é besteira. Noel seria Noel de qualquer jeito. Já Vadico foi mais Vadico com Noel.
— Ruy Castro